Todos os direitos reservados a Jorge Menezes Carreras, Coaching & Treinamento © 2018 por DC

  • Jorge Menezes

O que é o sentimento de gratidão?



O que é ser ingrato?


É ser alguém que não reconhece o bem que lhe foi concedido e nem a ajuda que lhe foi oferecida. Isso pode acontecer em casa, na escola, na faculdade, no clube, e principalmente no trabalho. As pessoas confundem o verdadeiro significado da gratidão.


Muitas delas pensam que ser grato é agradecer à Deus a todo instante. Sim, nós devemos ser gratos à Deus pelo que somos e pelo que temos, porém, isso, não é tudo, é apenas parte do nosso comportamento e da forma como encaramos a vida ao nosso redor.


Sermos gratos, é termos a capacidade de expressarmos para alguém, o nosso reconhecimento após uma ação ou benefício recebido.


Vamos pensar no ambiente das empresas. Quando aprendemos a ser gratos, nos tornamos pessoas melhores porque passamos a reconhecer o real valor do que os outros fazem.


Ao reconhecermos as boas ações e o bom trabalho das outras pessoas, nós nos transformamos em pessoas de fácil convívio, somos menos críticos, e então, contribuímos para a geração de um ambiente de trabalho saudável e mais produtivo.


O verdadeiro Líder, seja ele, Dono, Presidente, Diretor ou Gerente de uma empresa, é aquela pessoa que tem gratidão por tudo aquilo que os seus subordinados realizam.


Ser grato é ter a sensibilidade e a capacidade de reconhecer o valor das tarefas que os seus assessores executam.


Infelizmente, existem muitos líderes que vão para as suas empresas ou locais de trabalho com a única finalidade de procurar o que ele considera erros e então, criticar, dar puxões de orelha e muitas vezes humilhar os seus subordinados.


Pensam eles, que dessa foram corrigirão os problemas do cotidiano das suas empresas. Isso é pensar errado!


O Líder é um facilitador e não um algoz. Problemas e erros existem em todas as empresas e em todos os ambientes por onde circulamos, basta procurar que serão encontrados.


Mas será que existem somente coisas erradas em uma empresa?


Evidente que não! Mas os seus Líderes precisam ter a sabedoria de que os erros existem no cotidiano das empresas porque elas são formadas por pessoas, por seres humanos e como humanos nós não somos perfeitos.


O profissional que não deseja conviver com problemas, que não se habilite para ser um Líder. Não são as pessoas felizes que são gratas, mas, as pessoas gratas que são felizes. Elas é que transmitem alegria para os outros ao seu redor

3 visualizações